Alimentação em Curitiba

By | January 19, 2011

O Brasil e o mundo têm ampla variedade de culinárias, cada uma defina pelo clima e geografia da região. Mas no passado com as imigrações e hoje com a globalização, você consegue comer alimentos do mundo inteiro sem sair de algumas cidades. E Curitiba é uma delas, a gastronomia é um dos pontos altos da cidade, pela sua riqueza e diversidade.

Alimentação em Curitiba

Você pode comer desde pratos típicos da região como: Barreado, Feijoada, Churrasco e Frutos do mar. Brasileiras como: Mineira e Nordestina. Trazidas pelos imigrantes como: Italiana, Polonesa, Alemã, Ucraniana, Espanhola e Chinesa. As que estão na moda: Mexicana e Japonesa. E lógico que não podemos esquecer-nos das pizzarias, fast-foods e cafeterias.



Sair para comer em Curitiba é relativamente barato comparando com outras capitais do Brasil. A arte de comer bem é cultivada por todos. Um café-da-manhã leve, um almoço farto e um lanche no fim da tarde são seguidos por um jantar leve. Os almoços de domingos geralmente churrasco são um evento familiar muito difundido por todos. Em toda cidade principalmente na região central e alguns bairros é fácil conseguir refeições bem preparadas e que satisfazem. Para lanches leves, há muitas lanchonetes (Fast-Foods) e panificadoras (Cafeterias). Para almoçar, há muitos restaurantes estilo Buffet e rodízios de carnes. E para o jantar muitas opções de bares e restaurantes com ambientes mais refinados servindo pratos alacarte.

Hábitos Alimentares: Muitos hábitos alimentares do curitibano têm influência de países europeus. As pessoas comem sem pressa e durante o dia inteiro, mas também há muitas opções para quem quer comer rapidamente ou fora de horário de almoço, principalmente dentro dos Shoppings Center. Horário do almoço vária entre 12:00h e 14:00h, happy hour onde muitos bares tem desconto double drink entre  17:30h e 20:00h e jantar entre 20:00h e 23:30h. Como nos últimos anos esta muito na moda comer fora, ao invés de cozinhar em casa é comum as pessoas esperarem por uma mesa vaga. A maioria dos estabelecimentos aceitam reservas, e esta é uma providência necessária em alguns lugares. Como já dito anteriormente a vários estilos culinários, mais três coisas que você sempre irá encontrar o arroz o feijão e a carne bovina, frango ou porco. O café-da-manhã pode construir uma boa refeição, e na maioria das vezes vai conter várias frutas, frios (queijo e presunto), pães, café e sucos.

O que vestir: Diferentemente de outras regiões do Brasil o povo curitibano se arruma bem para ir fazer suas refeições, principalmente jantares e finais de semana. Lógico que o bem vestido é diferente de restaurantes caros e baratos mais todos procurar sempre cuidar do visual.



Pagamentos e Gorjetas: Hoje com aumento da violência, as pessoas procuram andar com pouco dinheiro nas carteiras. Por isso 99% dos estabelecimentos aceita cartões de crédito. Tecnicamente, restaurantes não podem acrescentar 10% de serviço na conta. Mas, em todos os lugares a expectativa é que isso seja pago, como uma gorjeta para os garçons. Se o serviço não estiver incluído, geralmente o garçom o avisará disso. O ideal é deixar 10% ou, se o serviço não estiver incluído, simplesmente arredondar a conta para cima. Como a remuneração média do pessoal é baixa, as gorjetas, mesmo que pequenas, são bem-vindas.

Higiene Alimentar: Diferentemente de outros países, principalmente na Europa onde atendentes de lanchonetes e panificadoras pegam seu alimento e seu dinheiro com as mãos sem proteção. Aqui todos desde o vendedor de cachorros-quentes nas ruas, passando por panificadoras, bares e restaurantes, sabem da importância de manter, preparar e servir a comida com muita higiene. O órgão municipal responsável e a própria população são muito rigorosos com relação a isto, mas lógico que é sempre bom dar uma averiguada.

Bebidas: Comparados aos europeus, os curitibanos não bebem muito. A cerveja, no entanto, é muito popular. É a bebida alcoólica preferida pela maioria. Também são comuns bebidas mais fortes como vodka e uísque (normalmente acompanhado de refrigerante e energético), vinhos, caipirinhas de frutas (morango, abacaxi, limão e kiwi) e coquetéis. O uísque é uma bebida considerada como símbolo de status e o vinho está crescendo muito em popularidade. O refrigerante brasileiro por natureza, o guaraná, é tão difundido quanto os demais de origem estrangeira. Água mineral de diversas fontes da região é sempre vendida. E os sucos tanto naturais quanto de latinhas sem sombra de duvidas são os melhores do mundo.

Fumo: Existe leis que é proibido fumar em qualquer local que tenha teto em cima. E são cumpridas por todos. Mais todos os lugares se adaptaram para que os fumantes sejam bem atendidos. Ou construindo um local chamado fumodramo ou simplesmente deixa o cliente fumar na rua.

Crianças: Em toda cidade as crianças são muito bem acolhidas. A maioria dos estabelecimentos, sejam sofisticados ou simples, as recebe muito bem (algumas pagam mais barato ou não pagam e até pratos só para elas). O pessoal que atende em geral é muito atencioso com elas. Se não houver uma cadeira adequada, com certeza improvisarão alguma coisa. É comum também ver crianças pequenas jantando tarde com seus pais.

Fonte de Apoio: Guia Visual Brasil Folha de São Paulo